Bom dia!

Receita Federal publicou em seu site uma notícia que atinge a maior parte da população: Está fiscalizando os contribuintes pelas redes sociais também.

O que isso quer dizer? Que se você faz parte daquele grupo que faz publicações com frequência sobre seus bens, empresas, ou até mesmo se tem algum amigo que faz isso e você está incluído nas postagens, você é um forte candidato à fiscalização.

A fiscalização através das redes sociais é mais uma forma de fiscalização, que é somada a outras formas de fiscalização e serve para comprovar se os bens, empresas e afins estão declarados.

Alguns exemplos que a Receita disponibilizou:

“- Durante a fiscalização foi identificado que o proprietário registrado no contrato social era uma interposta pessoa (laranja), entretanto tanto o laranja como o suposto real proprietário negavam possuir qualquer vínculo. Em pesquisas nas redes sociais foram identificadas fotos do laranja com o real proprietário da empresa, demonstrando seu vínculo;

– Caso em que filho de contribuinte fala sobre viagens caras e bens do pai que serviram de subsídio para fiscalização e garantia dos créditos tributários;”

A grande questão não é se privar de postar na internet, mas declarar os bens de forma correta.

Fonte: Receita Federal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *